II CONEAB | GRUPO DE TRABALHO 10: Terras e Povos das Américas: Representação Literária de Identidades, Culturas, Memórias, Direitos Humanos e Lutas de Sobrevivência

Coordenadores: Roland Walter (UFPE/CNPq) e Elio Ferreira (UESPI / NEPA)

Resumo: Ao dar enfoque à representação simbólica da episteme cultural (etos e cosmovisão) de tribos, grupos étnicos, sociedades, regiões, nações e diásporas americanas ― cujo objetivo principal é dar respostas tentativas à pergunta ‘Quem fomos e quem somos nas Américas, ou seja, quais as significações das Américas, de sua “unidade múltipla”, sua multiplicidade do um”? (Morin) ― este GT pretende examinar o ser-estar das identidades individuais/coletivas/fixas/fluidas) nas encruzilhadas interculturais em textos pan-americanos multiétnicos e focalizar neste processo as seguintes questões inter-relacionadas:
a) A relação entre identidade e espaço/ lugar e o papel da memória na constituição destes num processo histórico de violências (pós/neo) coloniais.
b) Os vetores socioculturais de etnicidade, raça, gênero, orientação sexual, idade e classe, entre outros, e seu papel na inter-relação ‘memória/ identidade/ espaço/ lugar’.
c) O inconsciente político (Jameson), cultural (Bourdieu) e ecológico (Walter): a interface entre o real recalcado e a realidade (Zizek) na constituição da identidade étnico-cultural.
d) Nação e Trans-Nação: Translocalização/ Transculturação/ Diáspora nas encruzilhadas étnico-culturais das Américas.
Palavras-chave: Literatura Interamericana; Identidade; Memória; Violência; Diáspora; Etnicidade; Espaço/ Lugar.


Prof. Dr. Roland Gerhard Mike Walter

Prof. Dr. Roland Gerhard Mike Walter

É Professor Titular do Programa de Pós-Graduação em Letras e Lingüística da Universidade Federal de Pernambuco. Doutor em Literatura Comparada pela Johannes Gutenberg Universität, Mainz, Alemanha (1992), realizou pesquisas de pós-doutorado na University of California, Santa Cruz (2000) com bolsa de estudos concedida pela CAPES e obteve em 2006 bolsa de estudos do Governo Canadense. Roland Walter é autor de três livros ? “Magical Realism in Contemporary Chicano Fiction” (Frankfurt: Vervuert, 1993), “Narrative Identities: (Inter)Cultural In-Betweenness in the Americas” (New York/Frankfurt/Bern: Peter Lang, 2003) e “Afro-América: Diálogos Literários na Diáspora Negra das Américas” (Recife: Bagaço, 2009 ? , organizou a coletânea de ensaios críticos “As Américas: Encruzilhadas Glocais” (E-Book/CD-ROM, Recife, 2007) e coorganizou os livros “Narrações da Violência Biótica” (Recife, 2010) e “Centros e Margens: Literaturas Afrodescendentes da Diáspora” (Curitiba, 2014) e publicou numerosos artigos e capítulos de livro sobre diversos aspectos e temáticas da literatura e teoria (Estudos Culturais e Pós-Coloniais) interamericana no Brasil, na Argentina, em Cuba, no Canadá, nos Estados Unidos, na Alemanha e na Holanda. Além de ser parecerista e fazer parte do conselho editorial de várias revistas científicas nacionais, Roland Walter foi Editor Associado da revista MELUS (Multi-Ethnic Literature of the United States, University of Connecticut, USA) de 1997 até 2006 e é Pesquisador Associado do Groupe Interdisciplinaire de Recherche sur les Amériques (GIRA), Montréal. Foi convidado como Professor Visitante pela Eberhard-Karls Universität, Tübingen, Alemanha entre abril e setembro de 2004 e atualmente coordena o Núcleo de Estudos Canadenses da UFPE. walter_roland@hotmail.com (Texto informado pelo autor)


Prof. Dr. Elio Ferreira de Souza

Prof. Dr. Elio Ferreira de Souza

Doutor em Letras pela Universidade Federal de Pernambuco – UFPE; área de concentração Teoria da Literatura; linha de pesquisa Literatura Comparada; obtenção do grau de Doutor em 28 de novembro de 2006; título da tese: Poesia Negra das Américas: Solano Trindade & Langston Hughes (371p.). Mestrado em Letras pela Universidade Federal do Ceará; área de concentração Literatura Brasileira; obtenção do grau em Mestre em julho de 2001; título da dissertação: Identidade e solidariedade na literatura do negro brasileiro: de Padre Antônio Vieira a Luís Gama. Especialização em Literatura Brasileira – PUC/PREPES – Belo Horizonte, em julho de 1989. Graduação em Letras Português/Latim pelo Centro de Ensino Unificado de Brasília – CEUB/Brasíla, em setembro de 1979. Professor Efetivo da Universidade Estadual do Piauí – UESPI, na área de Literatura, no Curso de Graduação em Letras; Professor Permanente do Mestrado Acadêmico em Letras da Universidade Estadual do Piauí – UESPI; Ex-Professor Permanente do Mestrado em Letras da Universidade Federal do Piauí – UFPI. Atua na área de Letras, com ênfase em Literatura Afrodescendente, Literatura Afro-Brasileira, Literatura Comparada, poesia negra das Américas, literatura e culturas afrodescendentes, literatura negra e memória, literatura e construção de identidades afrodescendentes, literatura e narrativa oral, poesia, cultura indígena. Coordenador do IV, III, II e I ENCONTRO INTERNACIONAL DE LITERATURAS, HISTÓRIAS E CULTURAS AFRO-BRASILEIRAS E AFRICANAS, realizado pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas Afro – NEPA/UESPI e o Mestrado Acadêmico em Letras da UESPI, nos anos 2015, 2013, 2011 e 2009, respectivamente, na Universidade Estadual do Piauí, em Teresina/Piauí/Brasil. Coordenador do NÚCLEO DE ESTUDOS E PESQUISAS AFRO – NEPA/UESPI. Autor do projeto e Coordenador de duas turmas do Curso de Especialização em Literatura e História Afro-brasileira e Africana da UESPI; Membro da Comissão responsável pela criação do Mestrado em Letras da Universidade Esadual do Piauí; Membro da Comissão do Projeto Responsável pela criação de Cotas para Negros, oriundos de escolas públicas, na Universidade Estadual do Piauí. Curador e idealizador do Projeto Roda de Poesia & Tambores, iniciado em 13 de outubro de 2000, em Teresina. Publicou sete livros de poesia; escreveu e organizou vários livros de ensaios críticos sobre Literatura e Cultura Afrodescendentes; em antologias poéticas como os Cadernos Negros 27, 29; 31; 33; dezenas de ensaios sobre literatura e cultura afrodescendente; assinou coluna de opinião em jornais. Editor da Revista Literária do Projeto Cultural RODA DE POESIA & TAMBORES, números 1 e 2 – ISSN: 1984-2872. Ganhou prêmios de poesia falada e escrita em concursos de caráter regional e nacional, dentre outras produções. (Texto informado pelo autor)


Instruções | Inscrição de Comunicação em Grupos de Trabalhos (GTs):

1. A apresentação de comunicação oral em GTs destina-se a doutores, mestres, alunos de pós-graduação (stricto e lato sensu) e graduados (IC/PIBID/PIBEX).
2. Para apresentar uma comunicação em GTs, o participante deverá submeter resumo através do blog do NEAB (http://wp.me/P7D3KY-kR), vinculando-o a um dos GTs propostos. 3. Os resumos serão avaliados pelos coordenadores dos GTs.
4. Cada comunicação terá a duração de 15 minutos.
5. O resumo da comunicação submetido a um dos GTs deverá conter entre 100 a 250 e palavras 3 a 5 palavras-chave (Cf. o modelo).
6. No resumo submetido à avaliação, deverão constar objetivos do trabalho, indicação da fundamentação teórica e metodológica e resultados.
7. As propostas de comunicações deverão ser individuais. (Um trabalho por comunicador); os trabalhos que tiverem coautor, este também deverá estar inscrito no Congresso.


INSCREVA-SE COMO:

Comunicador em GT Comunicador Individual Ouvinte

Dúvidas sobre o evento

Organização: neab.upe@gmail.com | coneab.neab@gmail.com
Coordenação: garanhuns.neab@upe.br | snchagas@uol.com.br
https://neabupe.wordpress.com/


Local do Evento

Universidade de Pernambuco, Garanhuns, PE.

Anúncios
Esse post foi publicado em Últimas Notícias. Bookmark o link permanente.