Programa | A poesia moçambicana: entre mar e terra

Carga horária total: 30h
Docente Responsável: Anderson de Souza Frasão (UFS/CAPES)
Período de inscrição: 15/09/2016 até 23/09/2016
Período de realização: 27/09/2016 até 22/11/2016
Local: Universidade de Pernambuco – campus Garanhuns

Ementa
A expressão cultural local na literatura: tradição oral e religiosidade banto. A literatura no contexto colonial de Moçambique. A formação da consciência nacional e a linguagem da contestação. A poesia e a luta de libertação nacional. Poética pós-colonial. Manifestações contemporâneas.

Objetivos
O curso tem como finalidade apresentar a literatura moçambicana (dos momentos iniciais até a contemporaneidade) e pretende enfocar o gênero lírico, com base numa seleção de obras de alguns de seus mais expressivos poetas: José Craveirinha, Noémia de Sousa, Rui Knopfli, Luís Carlos Patraquim, Sónia Sultuane, Eduardo White e Mia Couto.

Programa
1. Introdução; a literatura tradicional; a poesia oral;
2. A literatura colonial;
3. A poesia e a luta de libertação em direção de uma literatura nacional;
4. O lirismo pós-independência;
5. Manifestações contemporâneas.

Metodologia
O curso consta de uma carga horária de 30 h/a (70% de aulas presenciais e 30% de leituras obrigatórias), distribuído em sessões semanais e baseado em textos de leitura previamente escolhidos para balizar as aulas expositivas e análise de textos.
Observação: só terá direito a certificado o participante que obtiver frequência entre 75% e 100% das aulas presenciais.

Avaliação
1. Presença e participação em aula;
2. Capacidade analítica e interpretativa;

Cronograma

Dia/Mês Programa Referências/ links para download*
27/09 (i) Introdução

(ii) A literatura tradicional

(iii) A poesia oral

ZUMTHOR, Paul. “A presença da voz.” In: ZUMTHOR, Paul. Introdução à poesia oral. Trad. Jerusa Pires Ferreira et al. São Paulo: Hucitec, 1997, p.9-20

CARVALHO, Ruy Duarte. Tradições orais, experiência poética e dados de exitência. In: PADILHA, Laura Cavalcante. Anais do I encontro de professores de literatura africanas de língua portuguesa. Niterói: Imprensa Universitária da UFF, 1995, p. 69-76.

ROSÁRIO, Lourenço. “Narrativas de tradição oral”. In: ROSÁRIO, Lourenço. A narrativa africana de expressão oral: transcrição em português. Lisboa: ICLP/ Luanda: Angolê, 1989, p. 39-42.

HAMPATÉ BÂ, Hamadou. “A tradição viva”. In: História geral da África, I: Metodologia e pré-história da África. 2.ed. rev. – Brasília : UNESCO, 2010, p. 167-212.

SAENGER, Alexandre von. “A palavra na sabedoria banto.” In: QUEIROZ. Sônia (Org.). A tradição oral. Belo Horizonte: FALE/UFMG, 2006, p. 48-63.

FERREIRA, Manuel. “Moçambique”. In: FERREIRA, Manuel. Literaturas africanas de expressão portuguesa II. São Paulo: Ática, 1987, p.64-104.

SECCO, Carmen Lucia Tindó Ribeiro. O mar nas letras moçambicanas. In: SECCO, Carmen Lucia Tindó Ribeiro (Coord.) Antologia do mar na poesia africana de língua portuguesa do século XX: volume III: Moçambique, São Tomé e Príncipe, Guiné-Bissau. Rio de Janeiro: UFRJ, 1999, p. 10-39.

04/10 (i) A literatura colonial

(ii) Rui Knopfli

MENDONÇA, Fátima. “O português como língua literária em Moçambique”. In: MENDONÇA, Fátima. Literatura Moçambicana: a história e as escritas. Faculdade de Letras e Núcleo Editorial da Universidade Eduardo Mondlane, 1989, p. 9-17.

HAMILTON, Russel G. “A literatura aculturada no Mar Índico”. In: HAMILTON, Russel G. Literatura africana. Literatura necessária II: Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe. Lisboa: Edições 70, 1984, p.11-25.

LISBOA, Eugénio. (Org.) Rui Knopfli (antologia poética). Belo Horizonte: Editora UFMG, 2010.

SAID, Roberto. “O delito da palavra: notas para regulamentação do discurso próprio de poeta acocorado”. In: LISBOA, Eugénio. (Org.) Rui Knopfli (antologia poética). Belo Horizonte: UFMG, 2010, p. 189-205.

11/10 (i) A poesia e a luta de libertação em direção de uma literatura nacional

(ii) Noémia de Sousa

HAMILTON, Russel G. “No trilho da literatura moçambicana”. In: HAMILTON, Russel G. Literatura africana. Literatura necessária II: Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe. Lisboa: Edições 70, 1984, p.33-50.

SAÚTE, Nelson. “A mãe dos poetas moçambicanos.” O país [Maputo, Mz], Sábado, 24 Set 2011. Acesso 12 ago 2016.

SOUSA, Noémia de. Sangue negro. AEMO: Moçambique, 1988.

LEITE, Ana Mafalda. “Voz, corpo e narração: a poesia de Noémia de Sousa”. In: LEITE, Ana Mafalda. Oralidades & escritas pós-coloniais: estudos sobre literaturas africanas. Rio de Janeiro: EDUERJ, 2012, p.91-100.

18/10 (i) A poesia e a luta de libertação em direção de uma literatura nacional

(ii) José Craveirinha

HAMILTON, Russel G. “No trilho da literatura moçambicana”. In: HAMILTON, Russel G. Literatura africana. Literatura necessária II: Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe. Lisboa: Edições 70, 1984, p.33-50.

CRAVEIRINHA, José. Karingana ua Karingana. Lourenço Marques: Edição da acadêmica LDA., 1974.

LEITE, Ana Mafalda. “Canto, recitação e memória: a poesia de José Craveirinha”. In: LEITE, Ana Mafalda. Oralidades & escritas pós-coloniais: estudos sobre literaturas africanas. Rio de Janeiro: EDUERJ, 2012, p.101-106.

CHAVES, Rita. “José Craveirinha: a poesia em liberdade”. In: CHAVES, Rita. Angola e Moçambique: experiência colonial e territórios literários. São Paulo: Ateliê Editorial, 2005, p.139-164.

25/10 (i) O lirismo pós-independência

(ii) Luís Carlos Patraquim

SECCO, Carmen Lucia Tindó. (Org.) Luís Carlos Patraquim (antologia poética). Belo Horizonte: Editora UFMG, 2011.

LEITE, Ana Mafalda. “Formulações pós-coloniais de uma tradição poética: Luís Carlos Patraquim, intérprete de um legado”. In: LEITE, Ana Mafalda. Oralidades & escritas pós-coloniais: estudos sobre literaturas africanas. Rio de Janeiro: EDUERJ, 2012, p.269-276.

08/11 (i) O lirismo pós-independência

(ii) Mia Couto

COUTO, Mia. Tradutor de chuvas. Portugal: Caminho, 2011.

COUTO, Mia. Idades cidades divindades. 2ª ed. Portugal: Caminho, 2013.

COUTO, Mia. Vagas e lumes. Portugal: Caminho, 2014.

COUTO, Mia. Raiz de orvalho e outros poemas. 6ª ed. Portugal: Caminho, 2015.

PEREIRA, Érica Antunes. Mia Couto: percursos de um poeta nas dimensões da palavra. In: CAVACAS, Fernanda; CHAVES, Rita; MACÊDO, Tania. Mia Couto: um convite à diferença. São Paulo: Humanitas, 2013, p. 323-329.

22/11 (i) Manifestações contemporâneas

(ii) Eduardo White

WHITE, Eduardo. Janela para Oriente. Lisboa: Caminho, 1999.

CHAVES, Rita. “Eduardo White: o sal da rebeldia sob ventos do Oriente na poesia moçambicana”. In: CHAVES, Rita. Angola e Moçambique: experiência colonial e territórios literários. São Paulo: Ateliê Editorial, 2005, p.163-188.

LEITE, Ana Mafalda. “Poéticas do imaginário elemental na poesia moçambicana – entre mar… e céu”. In: LEITE, Ana Mafalda. Oralidades & escritas pós-coloniais: estudos sobre literaturas africanas. Rio de Janeiro: EDUERJ, 2012, p.297-308.

SECCO, Carmen Lucia Tindó. “Paisagens, memórias e sonhos na poesia moçambicana contemporânea”. In: SECCO, Carmen Lucia Tindó. A magia das letras africanas. Ensaios sobre as literaturas de Angola e Moçambique e outros diálogos. 2ª ed. Rio de Janeiro: Quartet, 2008, p.311-338.

SULTUANE, Sónia. Sonhos. Maputo: AEMO, 2001.

* As aulas deste curso se basearão nas leituras dos textos apresentados, respeitando a ordem de cada sessão semanal.

**Durante o desenvolvimento deste curso, o programa poderá contar com acréscimo ou supressão de textos, mas os alunos serão previamente informados.